Seguidores

domingo, 10 de fevereiro de 2013

Quantas Rosas - Segredo - Fantasia

Quantas rosas (canção)

Fosse o poeta de tempos de outrora
seriam rosas singelas donzelas.
Fosse o poeta de gostos noturnos
seriam rosas mulheres do mundo.
Fosse o poeta gentil cavalheiro
Seria delas fiel escudeiro.
Fosse o poeta ainda menino
veria nelas seu doce mistério.
E assim se fazendo de rosas
mulheres são todas de encanto e magia,
paixão do poeta que nelas encontra
a razão de viver e delas se inebria...
Quantos poetas,quantas rosas, quantas!

Guaraciaba Perides  (2003)



Segredo

Há portas que não devem ser abertas
Há cofres que devem ser trancados
Há caixas que precisam do mistério
Há sonhos que melhor, guardados.
Aquieta o coração no seu segredo
e o pensamento por si só ,ficando oculto,
deixe que apenas à superfície se revele
o que pode partilhar o mundo.

Guaraciaba Perides (2008)

Fantasia

Inserida em um quadro uma paisagem
e nela um campo de centeio,
o vento que move as folhas da seara
é o mesmo que brinca em teus cabelos.
Olho nos teus olhos e minha imagem
reflete dentro deles e me sorri;
pego em tuas mãos e juntos penetramos
nas tintas ainda frescas do pincel.
Por entre matizes de diversas cores
somos o azul e o amarelo que se esfumam
por dentro da pintura que recria
a realidade natural do sonho.
E de repente, a dançar me vejo
rodopiando contigo na paisagem...
É o nosso amor que se transpõe no espaço,
dá colorido novo ao campo de centeio
e na delirante fantasia que componho
somos felizes como nunca fomos.

Guaraciaba Perides (2001)

11 comentários:

  1. Já estão em livro, estes belos poemas?
    Os temas, encantam: rosas, segredo, fantasia...
    Todo um romantismo que pouco se encontra, na "nova" poesia. Não levo o menor jeito, para fazer poema mas, no entanto, gosto de apreciar aqueles que caem fundo, lá na alma.

    Este último, Fantasia, me fez lembrar um filme que assisti: "A mulher papoula". Era um filme francês. Em dado momento, junto ao namorado, a mulher olhando uma pintura com papoulas e um casal, "Vê" o quadro tomar vida: ela e o amado estão no quadro, entre as flores, passeando...
    Seu poema "retrata" uma situação semelhante.Lindo!

    Bom domingo. Um abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não me lembro de ter visto esse filme...talvez tenha visto e ficou no subconsciente, mas esta poesia eu postei no outro blog com o conceito de Campo de centeio pois o que me inspirou foi um filme japonês chamado "sonhos " de
      Kurosawa ,filme belíssimo, onde o personagem ao visitar uma exposição de quadros de Van Gogh 'entra" no quadro e visita o campo de centeio...é de uma poesia incrível.Postei o vídeo com o fragmento do fime,A postagem é Fantasia (campo de centeio)
      Um abraço

      Excluir
  2. Os seus poemas são um primor, lembram um pouco Cecília Meireles em sua terna doçura...mas como poeta, vc é única, e uma grande poeta.
    Mil abraços!

    Bíndi e Ghost

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que vocês gostaram...obrigada.
      Um abraço

      Excluir
  3. Belíssima a "fantasia" das cores misturando arte e amores. Fiquei encantada. Parabéns minha amiga. Perfeita composição destas duas grandezas. bjs.

    ResponderExcluir
  4. OI GUARACIABA!
    LEGAL ESTARES POSTANDO ESCRITOS ANTIGOS TEUS, SÓ NOS PROVANDO QUE SEMPRE TIVESTE TALENTO E O COLOCASTE NO PAPEL, AGORA NA INTERNET.
    ABRÇS

    http://zilanicelia.blogspot.com.br/ClickAQUI

    ResponderExcluir
  5. Amigos, verdadeiros são para sempre, porque
    quando dois corações se unem, formando um só,
    DEUS se manifesta ali, através do amor
    e o amor é mais forte que a morte,
    é benigno, paciente, tudo sofre, crê, supera.
    não se ufana, nem se ensoberbece, apenas ...ama.
    certamente, permanece.

    Desejo um abençoado final de semana
    Beijos no coração carinhos na sua alma,Evanir
    Por favor me perdoa por deixar cola
    não estou conseguindo digitar.
    Isso é para não deixar de passar nos blogs.
    Deus sabe o quanto você é importante para mim.

    ResponderExcluir
  6. Olá Guaraciaba,

    Os poemas são lindos. Revelam seu grande talento e sensibilidade.
    Adorei ler e saborear a beleza de cada um.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  7. Sempre que visito seus jardins, algo mexe lá dentro. Grato pela densidade de seus versos...

    ResponderExcluir
  8. Nossa!!!
    Temos aqui um aconchegante ninho de belos e sábios versos...
    Tudo muito lindo, amiga!
    Aplausos mil!!!!!

    Abraços de paz e luz.

    ResponderExcluir
  9. Obrigada a todos pelos gentis comentários e pelo incentivo.
    Um abraço.

    ResponderExcluir